Evento

Regimes racializados de representação das favelas cariocas

Data: 19 de Novembro

Regimes racializados de representação das favelas cariocas: a criminalização dos bolsões de pobreza da cidade e o midiativismo como ferramenta em busca de voz e representatividade.

 A grande mídia no Brasil retrata as favelas de forma negativa. Desde o seu surgimento, esses espaços têm sido associados à pobreza, insalubridade e crime (Valladares 2005, Zaluar & Alvito, 2006). Esta palestra irá discutir, sob a ótica dos movimentos sociais, o trabalho dos midiativistas de favela que utilizam as redes sociais para contestar a narrativa mainstream em busca de voz e representatividade, desafiando a representação contemporânea das favelas na mídia como um local dominado pela violência, — uma estrutura que foi disseminada em escala global e aceita como norma — além de refletir sobre o papel da mídia na criminalização das favelas no imaginário popular e o impacto dessa representação na legitimação da violência policial nesses locais.

Palestrante: Fernanda Amaral (De Montfort University)

Mediadora: Mônica Leite Lessa (UERJ)

Debatedor: Oswald Munteal  

O evento ocorrerá no dia 19/11 às 18 horas no auditório 9043F (9º andar) no Campus da UERJ  

Voltar