Notícias

25/03/2021

Diretrizes para o Plano de Desenvolvimento Institucional 2021

Tomando por referência o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da PUC-Rio, o Instituto de Relações Internacionais (IRI) deflagrou o processo de elaboração do seu próprio Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), que deverá ser concluído no segundo semestre de 2021. Este Plano deverá ser elaborado com base nas diretrizes fixadas a seguir.

As atividades do IRI/PUC-Rio se orientam pela estrutura ternária que marca a universidade brasileira e afirma a indissociabilidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão. O IRI se orienta, ainda, pelos objetivos institucionais definidos no PDI da PUC-Rio, entre os quais destacamos:

- A promoção da cultura como instrumento de realização da vocação integral da pessoa humana;

- O desenvolvimento do ensino e aprofundamento da investigação e da pesquisa, para criar e difundir uma visão consciente da necessária unidade que deve reger a multiplicidade do saber;

- A formação de profissionais competentes, habilitados ao pleno desempenho de suas funções, com sentido de responsabilidade e participação;

- A inserção na realidade brasileira, colocando a ciência a serviço da comunidade e orientando suas atividades para a edificação de um mundo melhor;e

- O intercambio e a cooperação com instituições educacionais, cientificas e culturais, nacionais e estrangeiras, no intuito de emprestar universalidade ao sentido de sua missão.

 

Estes objetivos institucionais embasam oito diretrizes do Projeto Pedagógico da PUC-Rio:

- Formação para a sociedade do conhecimento;
- Responsabilidade social e ambiental;
- Desenvolvimento científico e tecnológico;
- Integração do Ensino & Pesquisa;
- Formação para a vida profissional;
- Formação interdisciplinar;
- Internacionalização; e
- Inovação metodológica.

Com base nos objetivos institucionais e nas diretrizes pedagógicas da PUC-Rio, o Instituto de Relações Internacionais (IRI) tem como missão promover formação acadêmica e profissional de excelência, orientada para a geração de conhecimento relevante sobre as transformações no sistema internacional e suas repercussões nos planos local, nacional, regional e global.

Dessa forma, o IRI orienta-se para:

1) Formação de excelência, que vincula solidez acadêmica e pensamento crítico, voltada para a compreensão das dinâmicas do sistema internacional e dos seus impactos sobre a sociedade brasileira;

2) Pesquisa e produção de conhecimento científico inovador e relevante sobre as transformações em curso no sistema internacional, com destaque para a compreensão do papel e lugar do Brasil e dos demais países do Sul nesse sistema, com vistas a alcançar o desenvolvimento social, econômico, tecnológico e ambiental, em particular da América Latina;

3) Incidência pública visando a geração de impactos econômicos e sociais positivos para a sociedade brasileira relacionados à sua inserção internacional, em particular através da contribuição para políticas públicas nos âmbitos local, nacional, regional e internacional.

 

O IRI será relevante na medida em que suas capacidades efetivamente contribuam, a partir da dimensão internacional, para o desenvolvimento econômico e social e para o enfrentamento das desigualdades na sociedade brasileira e das assimetrias no sistema internacional. O IRI reafirma seu compromisso com a pluralidade teórico-metodológica e com o debate interdisciplinar como forma de produzir conhecimento inovador, socialmente relevante e acionável, além de formar profissionais comprometidos com a transformação social e potencializar sua incidência pública.

A partir das suas atividades de excelência nos campos da educação, pesquisa e incidência pública, o IRI deve enfrentar, assim, desafios econômicos e sociais significativos e contribuir para a criação de soluções inovadoras. Ao lado da internacionalização, a contribuição para o desenvolvimento econômico e social, a promoção do pluralismo teórico-metodológico e do engajamento interdisciplinar se constituem dimensões transversais que qualificam as atividades do IRI.

Pelo exposto, os Planos Estratégicos dos Programas de Pós-Graduação do IRI devem ser estruturados a partir de uma perspectiva matricial que combine a estrutura ternária de suas atividades à missão do Instituto, abarcando as dimensões: acadêmica (promoção do pluralismo teórico-metodológico e do engajamento interdisciplinar); a contribuição para o desenvolvimento econômico e social; e a internacionalização, conforme especificado nas orientações acima.

 

24 de março de 2021.

Comissão Geral do IRI/PUC-Rio.

voltar